Como fazer um bom briefing para a produção de um conteúdo?

/Como fazer um bom briefing para a produção de um conteúdo?

Como fazer um bom briefing para a produção de um conteúdo?

Às vezes, algumas empresas têm dificuldades de saber quais são as informações necessárias para elaborar um briefing de produção de conteúdo e como elas devem estar organizadas nesse material de orientação. Por isso, preparamos uma lista das informações que não podem faltar em um bom briefing e explicamos o porquê.

  1. Qual é o contexto do projeto?

    O projeto está começando do zero ou não? Às vezes, este pode ser um complemento para uma iniciativa que já existe. Se esse for o caso, compartilhe com seu fornecedor o que já foi feito e, principalmente, porque essa nova etapa é necessária.

  1. Qual é o objetivo do projeto?

    Onde você quer chegar com essa ideia? Quais são seus objetivos? Coloque aqui tudo o que você espera que o projeto vá proporcionar, tanto em resultados específicos quanto para os objetivos estratégicos da empresa.

  1. Qual é o seu público-alvo?

    Você não precisa traçar um perfil completo, mas algumas informações referentes ao público-alvo primário, secundário e terceiros que serão impactados pelo projeto não podem faltar. As seguintes informações ajudam a agência a definir a linguagem certa para estabelecer uma identificação com essas pessoas e, também, pesquisar assuntos que podem ter mais relevância:

    • Sexo;
    • Idade;
    • Classe social;
    • Hábitos de consumo
  1. Quais são os benefícios para o cliente?

    Aqui você deve listar quais são as principais motivações para público adquirir o produto, ou participar da iniciativa que está sendo lançada. A agência vai usar os diferenciais desse projeto que você listar para engajar o público-alvo na sua proposta.

  1. Quais tipos de conteúdo serão produzidos?

    Existe uma variedade muito grande de tipos de conteúdo que podem ser produzidos. Então, pense muito bem quais são os mais adequados para os objetivos do projeto. Veja algumas opções:

    • Textos;
    • Infográficos;
    • Vídeos;
    • E-mail marketing;
    • Newsletter;
    • Jornal interno;
    • Imagens;
    • Posts;
    • Podcasts;
    • E-books.
  1. A estrutura do conteúdo já está definida?

    Você já tem uma estrutura pronta para esse conteúdo? Ou uma estrutura que quer copiar de outro projeto da sua empresa? Então você deve compartilhá-la com a agência. Saber onde cada informação estará localizada na estrutura final faz toda a diferença na hora de escrever o conteúdo e evita refações.

  1. Já existe um conteúdo base?

    Muitas vezes em projetos de criação de conteúdo, já existe algum conteúdo publicado que deve ser adaptado ao novo projeto. Se esse for o caso, disponibilize para a agência todos o acesso necessário para esse material já criado.

  1. Quem fará o SEO para o conteúdo?

    O Search Engine Optimization (SEO) é essencial para a produção de qualquer conteúdo online. Mas quem vai organizar essas orientações para otimizar o conteúdo para as buscas orgânicas? A agência ou você? Se for a agência, preveja isso na hora de organizar o orçamento e o cronograma.

  1. Quem providenciará as imagens?

    A agência terá que providenciar as imagens? Ou sua empresa vai disponibilizar as imagens? Então combine como a agência como isso vai funcionar. Então disponibilize acesso ao banco de imagens da empresa e preveja um orçamento para isso.

  1. Como será o cronograma das produções?

    Organize quais são as etapas do projeto e as datas de entrega. Preveja as datas para as etapas reunião de briefing, produção, primeira entrega, refações, segunda entrega e ajustes devem estar especificados. Explique também o que é planejado para cada fase. Mesmo que a agência para a qual você está montando o briefing não seja responsável por todas as etapas, é importante ela entender o impacto que o eventual atraso em alguma etapa pode ter, até para o próprio cronograma dela e para os recursos que ela destinar para o projeto.

  1. Qual é o seu orçamento para esse projeto de conteúdo?

    Tenha em mente quanto dinheiro você pode gastar nessa iniciativa. Isso é muito importante para dimensionar as ações que são possíveis de realizar e, assim, ter clareza do que pedir para o seu fornecedor. Leve em conta os objetivos do projeto, os tipos de conteúdo a serem produzidos e a frequência dessa produção.

  1. Quais métricas serão usadas?

    Todo projeto tem objetivos, claro! Mas como é que sua empresa vai medir se eles foram alcançados ou não? Antes de realizar a ação, você precisa saber como os resultados serão medidos e deve informar para a agência, pois ela deve levar isso em conta na hora de produzir os conteúdos. Exemplos de métricas são:

    • Números de compartilhamentos;
    • Aumento do número de curtidas na página;
    • Geração de leads a partir do conteúdo publicado;
    • Como as vendas foram impactadas desde o início do projeto.
  1. Existem restrições para esse projeto?

    Tão importante quanto saber o que se deve falar, é saber o que não pode ser falado de forma alguma. Para evitar perder tempo com refações, já informe para a agência o que deve ser evitado.

  1. Qual a linguagem ideal?

    Qual o tipo de linguagem sua empresa já usa para falar com seu público-alvo? Formal, informal, direta, subjetiva, empática ou distante? Algumas empresas já têm definidos aspectos que devem ser utilizados na produção de conteúdos – forma de se dirigir ao leitor, como escrever nomes de cargos, setores, produtos e serviços, abreviaturas de palavras comuns ao segmento etc. Se for o caso da sua, tudo isso deve ser informado previamente para a agência.

  1. Existem referências de projetos semelhantes?

    Você sabe melhor do que ninguém o que dá certo e o que não dá certo no mercado em que atua, certo? Então, é interessante indicar referências para seu fornecedor das boas práticas adotadas pelas empresas concorrentes no seu ponto de vista. Assim, ele pode avaliar a adequação delas para o que deve produzir para sua empresa e até tomá-las como parâmetro para o ponto de partida do trabalho e economizar bastante tempo – o seu e o dele!

  1. Todas as áreas validaram o briefing de produção de conteúdo?

    Agora que você já organizou todas as informações, só falta confirmar com as todas as áreas envolvidas no projeto se todas as informações e orientações estão mesmo lá. Além de ser uma ótima oportunidade para ter uma maior proximidade e integração com outros setores, essa checagem também evita refações por parte da agência devido a erros na orientação que ela receber.

Por | 2017-08-28T14:53:54+00:00 24 agosto, 2016|Marketing de Conteúdo|

Sobre a Conteúdo Online

A Conteúdo Online é pioneira em marketing de conteúdo.
A empresa foi criada há 15 anos para planejar, produzir, divulgar e gerenciar conteúdos e canais.

Contato

Telefone: (11) 5574-5022
Ou envie sua mensagem.

Trabalhe conosco